Licenciosidades

Qualquer bocadinho acrescenta, disse o rato, e mijou no mar.

"Não é da bondade do homem do talho, do cervejeiro ou do padeiro que podemos esperar o nosso jantar, mas da consideração em que eles têm o seu próprio interesse. Apelamos, não para a sua humanidade, mas para o seu egoísmo, e nunca lhes falamos das nossas necessidades, mas das suas vantagens"

Adam Smith (1776), Riqueza das Nações

sexta-feira, junho 10, 2005

Plagio

A minha lista de links serve acima de tudo para auto-consumo. O meu blog e o meu portal para a blogosfera. Utilizo os links para percorrer todos os meus blogs favoritos e
por vezes chego a utilizar textos desses blogs para enriquecer o meu. Quando penso que os posts sao tao bons que a preguica de seguir o link nao deve impedir ninguem de os ler, copio integralmente os textos, sempre com a devida descricao da fonte.
Este senhor, apanhado sem ideias, resolveu copiar um artigo do jaquinzinhos sem indicar a fonte. (texto original no Jaquinzinhos ou aqui).


Post Scriptum: Salvaguarda para a possibilidade de nao saber de facto que o texto original e do Jaquinzinhos. Nesse caso aguardarei que emende a posicao numa futura cronica (tenho a certeza que alguem o ira avisar).