Licenciosidades

Qualquer bocadinho acrescenta, disse o rato, e mijou no mar.

"Não é da bondade do homem do talho, do cervejeiro ou do padeiro que podemos esperar o nosso jantar, mas da consideração em que eles têm o seu próprio interesse. Apelamos, não para a sua humanidade, mas para o seu egoísmo, e nunca lhes falamos das nossas necessidades, mas das suas vantagens"

Adam Smith (1776), Riqueza das Nações

segunda-feira, agosto 22, 2005

Blogs

A propósito da discussão entre o Paulo Querido do Expresso e o José Pacheco Pareira e as suas reflexões sobre blogs, pseudo-blogs e contadores. Penso que dividem a razão entre si mas partilham o grande erro, a generalização. Estar a comparar blogs utilizando medições unicas sejam elas as oferecidas pelo technoratti ou o sitemetter é um pouco como comparar a Maria, o DN, a Playboy e a ultima obra do Saramago. Querer hierarquizar os blogs é um erro. A Maria vende muito mais cópias que os livros do Saramago (blogamente falando, tem mais visitas), é vendido em muitos mais locais (tem mais links) mas não se conhecem, felizmente, aspirações do Saramago a tornar-se editor da revista. Da mesma forma que estar a comparar o Abrupto ao Gatas QB é como comparar a Playboy à Visão, ou a SICNoticias ao Sexy hot. É imbecil o exercício de comparação e mais ainda sentir-se tocado por isso.

O meu caso pessoal
A única influência política que aspiro a ter é tirar a Joana Amaral Dias do Bloco de Esquerda e convida-la para um jantar na foz.
No que respeita a audiências sei que metade das minhas contagens nao passam do Mário e da Isabela a entrarem 3 ou 4 vezes por dia. E a satisfação que isso me dá... Saber que existem pelos menos duas pessoas inteligentes diariamente interessadas em ler o que escrevo alimenta-me muito mais o ego do que o fariam os milhares de visitantes do Gatas QB. Precisamente porque o meu nicho de mercado é outro. Não seria complicado exponenciar os contadores do sitemetter. Tenho alguns conhecimentos de marketing, pelo menos os do senso comum, e sei muito bem que a procura de despertadores de masturbação é muito superior à de comentários rascas e links para o Mundo Perfeito. Mesmo assim prefiro a segunda opção para o meu blog. Também podia apelar a todos os meus amigos a visitarem diariamente (o que aumentaria o numero de visitas diárias em quase três) ou colocar um daqueles "posts informativos" de quais são as palavras mais procuradas pelos motores de busca. Há uns tempos atrás a propósito de um questionário incluí num dos meus posts a expressão, "filmes caseiros do Tomás Taveira", nos três dias seguintes cerca de 10 pessoas acederam ao meu blog a partir duma procura. Se houvesse um dipositivo que permitisse vedar a entrada a todos os que acederam dessa forma te-lo-ia utilizado. Como eu adoro o tom quase intimista deste blog. Como eu gosto de ter escrito Mário e Isabela em cima com a certeza de que eles saberão que falo para eles. E que bom que é estar de volta.


P.S.: Neste post escrevi novamente Tomás Taveira, imagens porno, masturbar, etc Nos próximos dias vou ter mais visitantes.

P.S.: Estou com preguiça de fazer links. Os visados, se ligarem alguma coisa a isso, que me desculpem.

1 boas festas:

Enviar um comentário

<< Home