Licenciosidades

Qualquer bocadinho acrescenta, disse o rato, e mijou no mar.

"Não é da bondade do homem do talho, do cervejeiro ou do padeiro que podemos esperar o nosso jantar, mas da consideração em que eles têm o seu próprio interesse. Apelamos, não para a sua humanidade, mas para o seu egoísmo, e nunca lhes falamos das nossas necessidades, mas das suas vantagens"

Adam Smith (1776), Riqueza das Nações

terça-feira, novembro 08, 2005

Intifada nos blogs

O que se passa em França não tem causas lineares. Estar a atribuir culpas apenas a falhas de inserção social ou, pior, apenas a uma política de emigração permissiva só demonstra ceguez ideológica seja à esquerda ou à direita. Aliás, nos últimos tempos tenho ficado extremamente desapontado com certos blogs de cariz liberal que trocaram a inteligência nos argumentos, que lhes era usual, pela demagogia rasteira mais típica por outras bandas. Desde o sentimento de revancha sentido em relação ao que aconteceu em Nova Orleães com estes distúrbios em Paris, à execrável xenofobia implícita em alguns argumentos. Salva-se O Acidental desta mediocridade instalada, honra lhe seja feita.