Licenciosidades

Qualquer bocadinho acrescenta, disse o rato, e mijou no mar.

"Não é da bondade do homem do talho, do cervejeiro ou do padeiro que podemos esperar o nosso jantar, mas da consideração em que eles têm o seu próprio interesse. Apelamos, não para a sua humanidade, mas para o seu egoísmo, e nunca lhes falamos das nossas necessidades, mas das suas vantagens"

Adam Smith (1776), Riqueza das Nações

quinta-feira, janeiro 05, 2006

Nunca mais chega a 22

Previsões para os próximos dias de campanha:
Cavaco fala de economia.
Soares diz que Cavaco quer é governar a partir de Belém e acusa-o de usar sapatos de uma marca espanhola.
Cavaco fala de ambiente.
Alegre acusa Cavaco de querer ser primeiro-ministro e revela que a gravata que Cavaco usa lhe foi oferecida por Marques Mendes.
Cavaco pisa cocó de cão durante uma acção de campanha.
Miguel Sousa Tavares dedica meia-hora do Jornal Nacional ao caso. Joana Amaral Dias escreve três posts.
Cavaco volta a falar de economia.
Soares responde, dizendo que Cavaco Silva quer é ser primeiro-ministro e lembra que, quando almoçava com ele em Belém, ele punha sempre os cotovelos em cima da mesa.
(...)